A importância do clínico geral

Você já reparou que quando precisou de um socorro médico rápido, na UBS ou então no pronto socorro do seu plano de saúde você foi atendido(a) por um clínico geral? A cada dia que passa a medicina evolui, e com isso, novas vertentes tendem a ser criadas, hoje basicamente existe médico para tudo, para hormônios, ossos, sangue, cérebro, rim, intestino e muito mais. O problema disso é que a fator humano e abrangente se perde, dando lugar a uma medicina individualista e mais fria.

Nesse conteúdo, mostro a importância de um clínico geral e como sua abrangência, física e emocional pode contribuir para a saúde dos pacientes.

Quais são as funções de um clínico geral?

O clínico geral, como o nome sugere, é um médico generalista, podendo atuar de modo muito amplo na saúde de seus pacientes. Ele está preparado do ponto de vista de conhecimento para realização de diagnósticos complexos e solicitações de exames, que propiciam enxergar algo de errado.

Outra função muito comum do clínico geral é a de médico da família, podendo assim, acompanhar seus pacientes basicamente a vida toda. Afinal, ao conhecer seu histórico, ele será capaz de atender com maior propriedade do que qualquer outro especialista as queixas e afecções de saúde de quem ele já atende há tempos.

Motivos para buscar um clínico geral antes de um médico de outras especialidades

Diferente do que muitos supõem, o clínico geral é um médico que também passou por processo de especialização. Entretanto, ao invés de se qualificar para o tratamento de apenas uma região/sistema corporal, preferiu se especializar em uma medicina mais generalista.

Dentre os principais motivos para se buscar um clínico geral estão:

  • Maior eficiência;
  • Economia;
  • Diminui os riscos de automedicação;
  • Conhecimento do histórico de saúde de seus pacientes.

Vamos dissertar sobre cada um deles.

Maior eficiência

Quando se procura por um médico, o objetivo é um diagnóstico rápido, com o intuito de resolução quase que imediata, nesse caso, o clínico geral é o médico mais indicado. Isso se deve ao fato de seu conhecimento abrangente em diversos sistemas do organismo humano, facilitando o diagnóstico em uma consulta e indicando o tratamento mais adequado a ser seguido.

Muitas consultas com especialistas poderiam ser evitadas se o clínico geral fosse consultado previamente. Quando o paciente busca um especialista por conta própria, ele corre o risco de passar por uma série de consultas e até mesmo procedimentos desnecessários, aumentando o tempo sem indicação de tratamento.

Economia

O cálculo é simples. Quanto mais consultas e exames o paciente fizer até que se tenha um diagnóstico, mas dinheiro será gasto. Embora saúde tenha que ser vista como prioridade, é sempre bom economizar de maneira inteligente. Ao considerar o clínico geral como sua primeira opção você economiza tempo e dinheiro.

Diminui os riscos de automedicação

Ao economizar indo direto ao clínico geral, o paciente saberá de maneira mais simples e funcional qual é o tratamento indicado para sua condição de saúde. Isso diminui consideravelmente os ricos de um paciente buscar a automedicação, algo que colocaria sua saúde em risco.

Conhecimento do histórico de saúde de seus pacientes

Como citado no início desse artigo, muitas vezes o clínico geral atua como médico da família, portanto conhece de maneira aprofundada o histórico de cada um de seus pacientes, permitindo assim, fazer diagnósticos ainda mais precisos e propor tratamentos individualizados, de acordo com rotina, necessidades e principalmente realidade de seus pacientes, potencializando assim, a promoção de saúde de todos.

Clínico geral e a humanização do atendimento

O clínico geral vem retomando o seu espaço perdido, pois cada vez mais as pessoas conseguem enxergar que uma medicina humanizada se faz cada vez mais necessária. O corpo humano, assim como as pessoas não precisam ser fatiados em pedaços, para que diferentes especialistas cuidem individualmente de cada parte.

É preciso ter em mente, que corpo e alma são uma coisa só, e apenas um clínico geral é capaz de compreender todas as vertentes de modo amplo e coeso e humano. Uma dor de cabeça por exemplo, não é um caso de ajuda neurológica, muitas vezes se trata de tensão e preocupações exacerbadas, assim como uma dor de estômago não precisa da atenção de um gastroenterologista logo de início, podendo ser algum alimento que não fez bem ou então o acúmulo de estresse.

Se você busca uma medicina naturalista, integrativa e humana, é o clínico geral que você deve procurar e os motivos para isso se fazem bastante claros nesse artigo. Quer um atendimento médico humano? Basta entrar em contato comigo clicando aqui.

Add your comment or reply. Your email address will not be published. Required fields are marked *